Atravessando fronteiras: teorias pós-coloniais e leituras antropológicas sobre feminismos, gênero e mercados do sexo no Brasil

Adriana Piscitelli

Resumo


Neste texto exploro a circulação e a tradução de teorias pós-coloniaisem parte da produção feminista no Brasil. Tomando como referência textos daantropologia feminista e, particularmente, estudos sobre os mercados do sexopublicados em dois importantes periódicos acadêmicos feministas brasileiros,a revista Estudos Feministas e os Cadernos Pagu, considero como essas publicaçõesparticiparam na difusão das críticas feministas pós-coloniais e como aprodução realizada no Brasil incorporou e traduziu críticas pós-coloniais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Contemporânea - Revista de Sociologia da UFSCar

Revista do Departamento e do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFSCar

INSS Impresso: 2236-532X
ISSN Eletrônico: 2316-1329

Endereço Postal:

Contemporânea - Revista de Sociologia da UFSCar

Departamento de Sociologia - UFSCar

Rod. Washington Luís, Km 235 Cx. Postal 675

São Carlos - SP 13.565-905