A formação de professores de sociologia no Maranhão: novos modelos formativos, novos problemas e velhas questões não resolvidas / The educational background of sociology teachers in Maranhão: new education models, new problems and old unsolved issues

Autores

  • Gamaliel da Silva Carreiro Universidade Federal do Maranhão

Resumo

Nos últimos dez anos ampliou-se o número de vagas, de cursos e de modelos formativos aos interessados na carreira de docente na área de sociologia no Ensino Médio do Maranhão. Além dos tradicionais cursos de licenciatura em Ciências Sociais (CS) ofertados pela UFMA e pela UEMA, surgiram algumas alternativas desde 2009, a saber: as segundas licenciaturas em CS (UFMA/PARFOR) e os cursos de Ciências Humanas, com habilitação em sociologia, disponibilizados em três campos do interior do Estado. Por outro lado, as Instituições de Ensino Superiores (IES) privadas ofertam a licenciatura em sociologia, na modalidade à distância, com número quase ilimitado de vagas. Tomando como referência as estruturas curriculares e os projetos político-pedagógicos, o presente trabalho visa, por um lado, discutir esses modelos formativos, problematizar sua estrutura curricular, observando, comparativamente, algumas alterações no perfil profissional dos novos docentes. Por outro, recolocar algumas questões relativas à formação de professores de sociologia, tais como: a perpetuação da herança bacharelesca de alguns modelos, problemas com a formação teórica em Ciências Sociais em outros, o abandono da formação de pesquisador por outros, além dos limites didático-teóricos e o empobrecimento que a formação EAD pode promover aos futuros professores no caso dos cursos oferecidos pelas IES.

Biografia do Autor

Gamaliel da Silva Carreiro, Universidade Federal do Maranhão

Professor Associado1, Departamento de Sociologia e Antropologia da UFMA.Dr. em sociologia pela UNB

Downloads

Publicado

2020-12-28